A bailarina

Que nada nos roube a esperança de acreditar em nós, em nossos sonhos, em uma Vida mais leve e singela atrás dos bastidores, fazendo o que gosta e sem grandes motivos. Que nada nos roube a simplicidade do olhar que carregamos ao ver o mundo ao nosso redor com nossos próprios olhos. Que nada nos roube a fé e o amor pela jornada que decidimos caminhar, mesmo que ninguém entenda o nosso caminho e as nossas decisões. … Mais A bailarina

Albatroz

Foi assim que chegou esse Albatroz… meio incerto e perdido… pronto para iniciar seus rituais. Estava decidido. Ele se aproxima… Ela não entende absolutamente nada.
A dança começou!!!
Mais Albatroz